NOTÍCIAS PARA SABER EM ABRIL

Baixar Versão em PDF

SANTUÁRIO NACIONAL INAUGURA FACHADA DA
BASÍLICA DE APARECIDA

O Santuário Nacional inaugurou, no dia 19 de março, a fachada norte da Basílica de Aparecida (SP). A inauguração contou com missa e show de música católica transmitido pela televisão e pela internet.

“Na festa de São José, o esposo da Virgem Maria, queremos entregar aos devotos de Nossa Senhora a primeira etapa dessa grande obra. O primeiro passo já foi dado, mas outras três etapas dessa jornada ainda estão por vir”, afirmou o reitor do Santuário Nacional, Padre Eduardo Catalfo.

A FACHADA NORTE DA BASÍLICA DE APARECIDA

A obra de revestimento da fachada norte da Basílica de Aparecida durou cerca de três anos. O trabalho teve o envolvimento direto de 177 profissionais, entre eles 27 mosaicistas ligados ao Centro Aletti, de Roma, na Itália. Eles vieram de vários países para executar o trabalho na casa da Mãe Aparecida.

O revestimento é um grande mosaico com cenas inspiradas no Livro do Êxodo. A concepção foi do Padre Marko Ivan Rupnikm, um sacerdote esloveno que já realizou mais de duzentas obras de arte nesse estilo nos cinco continentes. Entre seus trabalhos mais importantes estão os mosaicos da Capela Redemptoris Mater, no Vaticano. A obra da Basílica de Aparecida deve ser a maior já feita por ele.

OBRA GRANDIOSA

A fachada tem cerca de cinquenta metros de altura e foi a primeira a ser erguida no santuário, em 1955. O trabalho de revestimento demandou 4 mil metros quadrados de mosaicos. As pedras utilizadas – algumas naturais – são provenientes de várias regiões do Brasil, do Afeganistão, da França e da Grécia

“É hora de contemplar. Ler o Êxodo na fachada norte do santuário, interpretar fatos, cores e uma arte que nos revela que Deus cuida de nós, vem ao nosso encontro, liberta-nos e caminha conosco. Ele quer ser Pai para nós e quer que sejamos seu povo, numa aliança de amor”, afirmou o administrador do santuário, Padre Luiz Claudio Alves de Macedo.

As outras três fachadas da Basílica de Aparecida também serão revestidas com cenas bíblicas.

Fonte: Aleteia


COMISSÃO BÍBLICO-CATEQUÉTICA DA CNBB PROMOVEU SEGUNDA PARTE DA LIVE TEMÁTICA “A PROFISSÃO DE FÉ”

Dando sequência à série de lives celebrativas por ocasião dos trinta anos do Catecismo da Igreja Católica, a Comissão Episcopal Pastoral para a Animação Bíblico-catequética da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) realizou, no dia 24 de março, a segunda parte da live “A profissão de fé”.

Ela contou com a exposição do Padre Abimar Oliveira de Moraes, professor do Departamento de Teologia da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio). Nessa segunda parte da live, Padre Abimar explicou que pretende fazer uma reflexão sobre como entender a catequese atual colocando-a em referência estreita e direta com a revelação cristã “e a compreensão de que a pessoa humana é capaz de ter acesso, é capaz de se abrir a essa revelação”.

Segundo ele, o objetivo das lives é o de fazer entender as relações profundas que existem entre as atividades da catequese, principalmente em sua atualidade, e os conteúdos que o Catecismo da Igreja Católica apresenta.

Até novembro serão realizadas duas lives temáticas por mês, às 19h30, com transmissão ao vivo pelas redes sociais da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (YouTube e Facebook) e Catequese do Brasil, no YouTube.

Fonte: CNBB


O PAPA EM MALTA: DOIS DIAS DE ORAÇÕES, ENCONTROS E ABRAÇOS COM OS MIGRANTES

Foram divulgados, em fevereiro, pela Sala de Imprensa da Santa Sé, o programa e o logotipo da viagem do Papa Francisco a Malta nos dias 2 e 3 de abril.

No sábado, 2 de abril, o Papa partirá do Aeroporto Internacional de Roma/Fiumicino para Malta às 8h30 locais. Chegará ao Aeroporto Internacional de Malta por volta das 10 horas e ali haverá a cerimônia de boas-vindas.

Às 10h50, Francisco fará a visita de cortesia ao presidente da República na Ambassadors’ Chamber do Palácio do Grão Mestre em La Valletta. Às 11h35, haverá o encontro com o primeiro-ministro na Pages Chamber do Palácio do Grão-mestre na mesma cidade. O encontro com as autoridades e o corpo diplomático se realizará às 11h50, na Grand Council Chamber do Palácio do Grão-mestre, onde o Santo Padre fará um discurso. Às 15h50, o Papa partirá de catamarã do Grande Porto de La Valletta para Gozo e chegará às 17 horas ao Porto de Mgarr. Às 17h30, haverá o encontro de oração no Santuário Nacional de Ta’ Pinu, em Gozo, onde o Santo Padre proferirá a homilia. Às 18h45, Francisco partirá de balsa do porto de Mgarr para Malta e às 19h30 chegará ao porto de Cirkewwa e depois irá para a nunciatura apostólica.

No domingo, 3 de abril, às 7h45, haverá o encontro privado com os membros da Companhia de Jesus na nunciatura apostólica em Rabat. Às 8h30, Francisco visitará a gruta de São Paulo na Basílica de São Paulo em Rabat, onde o Papa fará uma oração. Às 10h15, o Papa presidirá a santa Missa na Praça dos Celeiros, em Floriana. Haverá a homilia do Santo Padre. A seguir, ele rezará a oração do Angelus. O Papa se encontrará com os migrantes no Centro para Migrantes João XXIII Paece Lab, em Hal Far, às 16h45, aí fará um discurso. Às 17h50, haverá a cerimônia de despedida no Aeroporto Internacional de Malta. Às 18h15, a partida de avião para Roma e a chegada às 19h40 ao Aeroporto Internacional de Roma/Fiumicino.

Fonte: Vatican News

Editorial

Produção Editoral feita em parceria com a Agência Minha Paróquia

Start typing and press Enter to search